• Polícia Civil prende suspeito de roubo e estupro praticados em bairro de Luziânia.



O delegado Taylor do Nascimento, juntamente com os policiais civis Wilson Júnior, Cristino Monteiro e Marcelo Lemes, lotados no plantão da 1ª Delegacia Distrital de Polícia de Luziânia, prenderam em flagrante, no dia 18 de março de 2016, Willian Sena Cavalcanti (na foto, ao centro), de 32 anos, logo após este ter praticado os crimes de roubo e estupro contra uma mulher, em Luziânia.
Após a vítima procurar a Polícia Civil, o delegado Taylor expediu ordem de missão para os agentes e, juntamente com eles e a vítima, partiram em diligências, objetivando identificar e prender o suposto autor. A vítima contou que teve seu celular subtraído, mediante grave ameaça, uma vez que o suspeito teria lhe abordado com uma suposta arma de fogo. Ela afirmou que foi compelida, após o roubo, a se deslocar para um matagal, onde foi estuprada.
Os policiais obtiveram êxito em localizar o suspeito dos crimes, que foi logo reconhecido pela vítima. Willian Sena foi preso portando um simulacro de arma de fogo, além do celular roubado da vítima. Após entrevista com os policiais, diante do delegado, Willian Sena confessou o roubo, mas negou o estupro. Entretanto, em seu depoimento na delegacia, ele admitiu ter mantido conjunção carnal com a vítima, mas alegou que tal ato foi consensual.
Compartilhe no Google Plus

entornoalerta

É de responsabilidade total das fontes o contéudo de toda e qualquer matéria anexada a este site. Matérias serão previamente identificadas aos créditos.
    Comentar no Blogger
    Comentar no Facebook

0 comentários :