• Padrasto é suspeito de engravidar criança de 14 anos pela segunda vez em Luziânia.


Um padrasto suspeito de estuprar e engravidar pela segunda vez a enteada de 14 anos está foragido da polícia. Os crimes ocorreram em Luziânia, cidade goiana do Entorno do Distrito Federal. De acordo com  a polícia, a mãe da jovem seria conivente com o crime. Um mandado de prisão foi expedido contra o  casal, mas o padrasto teria fugido para o Nordeste e a mãe se mudou de casa com a família.
A polícia soube do caso por meio de uma denúncia anônima. Na casa da família da vítima, a mãe da jovem desmentiu o caso à polícia e disse que o bebê era dela. A mulher disse também que não conhecia a própria filha.
A investigação descobriu que a mãe da adolescente mentiu para acobertar os estupros cometidos pelo marido. Em um posto de saúde, a polícia confirmou que a jovem havia feito parto e acompanhamento pré-natal. Ainda de acordo com a polícia, a mãe  da vítima fez uma laqueadura há 12  anos e não pode mais ter filhos.
As investigações foram dificultadas porque a família se mudou várias vezes. Em maio deste ano, a Delegacia da Mulher recebeu uma denúncia de que a adolescente estava grávida outra vez do padrasto.
O suspeito pode ser preso e condenado por estupro de vulnerável. A mãe também pode responder pelo mesmo crime.
Fonte: R7

Compartilhe no Google Plus

entornoalerta

É de responsabilidade total das fontes o contéudo de toda e qualquer matéria anexada a este site. Matérias serão previamente identificadas aos créditos.
    Comentar no Blogger
    Comentar no Facebook

0 comentários :